Atleta internacional de MMA grava videoaulas para alunos do Abrindo Caminhos

Fabiano “Jacarezinho” Silva é roraimense e atleta de elite das artes marciais

Atleta de MMA (artes marciais mistas), o roraimense Fabiano “Jacarezinho” Silva participou, nesta quarta-feira (18), das gravações de videoaulas para os alunos das turmas de jiu-jítsu do Programa Abrindo Caminhos, da Assembleia Legislativa de Roraima. O lutador mora na Alemanha e é uma das maiores referências do Estado nas artes marciais.

O atleta iniciou a carreira no jiu-jítsu e migrou para o MMA. Ele mora no exterior desde 2019, mas retornou ao Brasil devido à segunda onda de coronavírus na Europa. Fabiano soma títulos em competições pan-americanas e sul-americana, além de títulos importantes como o Cinturão da Elite do MMA Championship, competição realizada com atletas do mundo todo.

Devido à pandemia, as aulas do Programa Abrindo Caminhos seguem de forma remota e o ensino é repassado aos alunos por meio de videoaulas enviados pelos professores. Como forma de incentivo aos alunos, o professor Bruno Romão convidou Jacarezinho para uma participação especial em uma das gravações. “Ele é referência da luta e das artes marciais aqui no Norte e eu quis trazer esse incentivo aos alunos”.

Jacarezinho iniciou sua carreira ainda jovem aqui em Roraima, e com o destaque nas competições, teve sua vida transformada graças ao esporte. Ele falou da importância de programas como o Abrindo Caminhos para as crianças do Estado. “O esporte transforma vidas.  Há um tempo atrás me incentivaram, hoje eu posso incentivar outras crianças e jovens a seguirem no caminho do esporte”.

A diretora do Programa Abrindo Caminhos, Viviane Lima, destaca a importância de participações como a do atleta no processo de construção e formação dos alunos. “Isso é uma forma de mostrar para as crianças que você tem acreditar nos seus sonhos”.

Mais de 600 alunos são atendidos na modalidade de jiu-jítsu pelo Programa Abrindo Caminhos. São 12 turmas e as crianças e jovens são divididos por idade. Com a pandemia, as aulas presenciais foram suspensas, mas os alunos seguem treinando em casa com orientações do professor, repassadas por vídeos em grupos do WhatsApp.

 

Texto: Bruna Gomes 

Foto: Eduardo Andrade