Financiamento para a castanha-da-amazônia é tema do 3º Boletim de Políticas Públicas do OCA

 

O panorama atual de financiamento da cadeia da castanha-da-amazônia ainda é marcado pelos sistemas históricos de financiamento dos produtos agroextrativistas, e o “aviamento” segue sendo o principal mecanismo de crédito para a coleta em muitos territórios amazônicos.

Por outro lado, embora a presença dos atravessadores em alguns locais crie uma relação comercial por vezes injusta, em muitas localidades é a sua presença que viabiliza a estruturação da cadeia.

A dificuldade de acesso a recursos, seja para custeio da atividade, capital de giro ou para investimentos de qualquer natureza, reduz fortemente as chances de se alcançar melhores preços e remuneração ao extrativista. Contribui ainda para fragilizar as boas práticas e a gestão da qualidade na cadeia, o controle e rastreabilidade da produção, o desenvolvimento de capacidades técnicas nas comunidades e os investimentos em tecnologia e estrutura.

Existem também iniciativas importantes de organização comunitária da produção onde arranjos de financiamento e apoio a partir de recursos de projetos oriundos de organizações do terceiro setor e programas de cooperação resultam em experiências exitosas e inovadoras em territórios e arranjos inter-institucionais específicos.

No entanto, a castanha-da-amazônia é um dos mais importantes produtos da bioeconomia amazônica e brasileira, e, por isso, é fundamental fomentar políticas públicas de acesso a crédito adequadas para apoiar e incentivar os extrativistas a manterem e desenvolverem a atividade em seus territórios.

Nesta edição, o Boletim de Políticas Públicas do OCA traz um resumo dos principais pontos relacionados ao ambiente regulatório e às políticas públicas para financiamento, um dos mais importantes desafios para a cadeia de valor da castanha-da-amazônia. Baixe o Boletim e fique por dentro!

Baixe aqui o Boletim de Políticas Públicas de Financiamento do OCA!

Agosto tem Diálogos Pró-Castanha sobre financiamento

Para solucionar as questões relativas ao financiamento para a cadeia de valor da castanha, o diálogo entre as partes é fundamental. Neste sentido, o OCA promove em agosto mais uma rodada de Diálogos Pró-Castanha da Amazônia, desta vez sobre Financiamento e formas de acessar o PRONAF.

Fique ligado nas comunicações do OCA para não perder nenhuma novidade. Para se inscrever na lista de contatos do Observatório, clique aqui.

Assessoria de Comunicação