Pacaraima: Promotoria de Justiça inicia atendimento em novas instalações

A Promotoria de Justiça da Comarca de Pacaraima, localizada na região norte do estado de Roraima, está com novo endereço. Nesta sexta-feira, 22 de outubro, a Procuradora-Geral de Justiça, Janaína Carneiro Costa, inaugurou as instalações onde agora funciona a Promotoria de Justiça.

Localizado na Avenida das Guianas, s/n, o prédio, onde era o Fórum Advogado Humberto Teles Machado, possui espaço amplo e foi adaptado para melhor atender à população de Pacaraima que busca o Ministério Público de Roraima.

Também prestigiaram o evento, o Procurador de Justiça Sales Eurico Melgarejo de Freitas, o Presidente da Associação do Ministério Público de Roraima (AMPER) Luis Carlos Leitão, a Promotora de Justiça Auxiliar para Assuntos Administrativos, Érika Michetti.

A nova instalação dispõe de um auditório com capacidade para 42 pessoas, gabinetes, banheiros, copa, e recepção para receber a comunidade local. De acordo com a Procuradora-Geral de Justiça, a intenção da administração superior é proporcionar um ambiente adequado para os públicos interno e externo.

“As demandas da Promotoria de Pacaraima tem aumentado diante da crise imigratória que se intensificou. Temos priorizado a construção e readequações dos espaços físicos do MPRR para confortar de membros e servidores e melhor atendimento da população “, ressaltou Janaína Carneiro.

O Promotor de Justiça da Comarca, Victor Varanda dos Santos, afirma que essa mudança de ambiente mostra a consciência institucional de proporcionar qualidade e infraestrutura para a resolução das demandas da população de Pacaraima.

“A missão institucional do Ministério Público é a efetivação dos direitos fundamentais, e para isso, o atendimento ao público adequado é essencial para o bom andamento da
atividade”, ressaltou o Promotor de Justiça.

O Presidente da AMPER, destacou que esse é mais um passo na contínua consolidação do MPRR. “A inauguração da nova instalação da Promotoria de Justiça de Parcaraima é uma conquista de classe, mas principalmente um avanço para os moradores, uma vez que oferece um local acolhedor e acessível para todos os cidadãos” , concluiu o Presidente da Associação.

Fonte: Ascom MPRR
IG:mp_roraima