Poeta representa o estado de Roraima em Festival reconhecido pela Unesco

Evento será realizado dia 16 de outubro e contará com a participação virtual de artistas dos 26 estados brasileiros e Distrito Federal, como Eliakin Rufino, de Roraima

Dois Córregos, cidade do interior de São Paulo, conhecida como a terra da poesia, já prepara a próxima edição de seu Festival de Poesia. Com o tema “Poesia a arte do encontro”, o evento, que acontece no dia 16 de outubro, pretende trazer mais leveza em meio à pandemia do Covid-19. A webinar reunirá artistas locais e de outras regiões do Brasil para saborear a diversidade poética, estimular o encontro com as rimas e permitir que os cidadãos gorjeiem suas criações.

O poeta que representará o Estado de Roraima durante o Festival é o poeta, cantor e compositor Eliakin Rufino. O artista já publicou 11 livros com seus poemas, lançou 5 CDs com suas composições e está entre os 15 agraciados pelo Prêmio Grão de Música 2019.

Durante o Festival, o município leva para as ruas da cidade, literalmente, as criações de artistas já reconhecidos por sua obra e as da própria população. Em sua 13ª edição, pela primeira vez o Festival reunirá renomados artistas dos 26 estados brasileiros e o Distrito Federal, que participarão do evento por meio de webinares. Ao final do Festival, as poesias serão reunidas para posterior lançado de um livro.

“Acredito que a poesia é um caminho para o resgate dos sonhos, da ternura e da esperança. E que é o caminho para a transformação humana, ao expressar o afeto, a generosidade e a paz”, afirma José Eduardo Mendes Camargo, idealizador e fundador da ONG Usina de Sonhos, responsável pelo Festival e por outras iniciativas ligadas à produção literária com foco em poesia em Dois Córregos.

O evento é aberto e para participar é só acessar as redes: Instagram: @instituto_usina_de_sonhos, Youtube: Instituto Usina de Sonhos e Facebook: Usina de Sonhos.

Assessoria de imprensa