Projeto Conviver Crianças aprendem a fazer presente para o Dia dos Pais com material reciclável

Essa é a primeira atividade presencial com os alunos que o CRAS Nova Cidade realiza desde o começo da pandemia

A pandemia do novo coronavírus mudou a rotina de muitas famílias e as crianças têm passado mais tempo dentro de casa, já que as aulas presenciais estão suspensas. Mas com a estabilização no número de casos da covid-19, algumas atividades de projetos sociais da Prefeitura de Boa Vista estão retornando.

No Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), do bairro Nova Cidade, as atividades na sede estão recomeçando para meninos e meninas atendidos pelo Projeto Conviver. Esta semana, as crianças participam de uma oficina de reciclagem e aprendem a fazer o presente dos pais.

As latas de leite, doadas pelo programa Família Que Acolhe, viram cofrinhos ou latinhas enfeitadas nas mãos dos pequenos, que usam tintas, pincéis, papel colorido e toda criatividade na hora de reaproveitar o material.

Arthur Hendrick, de 10 anos, não via a hora de voltar para o centro, reencontrar os amigos e participar das atividades, especialmente esta.

“Meu pai vai achar ótimo, vai ser surpresa, eu falei que estava vindo fazer um desenho pro dia dos pais, mas não falei o que era”, disse.

Crianças com sintomas de síndrome gripal ou que convivem com pessoas do grupo de risco são orientadas a não retornarem ainda. Os alunos que estão de volta, além de usar máscara, devem tomar outros cuidados.

“Quando eles chegam tem toda essa questão de lavar as mãos, a gente tá orientando o distanciamento, pra eles ficarem tomando esses cuidados, na hora de lanche também manter os cuidados”, explicou a gerente do CRAS Nova Cidade, Sandra Ludgero.

A volta à rotina, ainda que muito tímida, também tem sido motivo de comemoração para os profissionais do Conviver, de acordo com a educadora social Bruna Lameira. “Está sendo um desafio, no sentindo de ter todo aquele cuidado que requer, porém é gratificante, porque a gente entende que eles também estavam com saudade daqui”, disse ela.

As crianças que ainda não podem retornar ao centro continuam recebendo orientações e atividades por meio de WhatsApp, para fazer as atividades em casa com a família.

Conviver do CRAS Nova Cidade – Atende 180 crianças e adolescentes, de segunda a quinta. Durante o ano tem uma programação com atividades mensais e os planos de aula têm objetivos pedagógicos. Os beneficiados são crianças e adolescentes de 6 a 17 anos que se encontram em situação de vulnerabilidade social.

Secretaria Municipal de Comunicação – SEMUC