Vendas de iPhone podem cair 30% com proibição do WeChat

Caso o banimento seja apenas nos EUA, a previsão é de que a venda de iPhones caia 6%.

As vendas anuais de iPhone podem apresentar uma redução de até 30% se a Apple for obrigada a remover o WeChat da sua loja de aplicativos ao redor do mundo. 

O resultado está contido em uma pesquisa do analista da empresa Ming-Chi Kuo, publicada nesta segunda-feira (10), no site MacRumors

Na última semana, o presidente dos Estados UnidosDonald Trump, anunciou a proibição do app chinês WeChat e do TikTok no país.

O decreto, que entra em vigor em setembro, tem como objetivo banir transações de empresas americanas com as gigantes de tecnologia da China.

Caso o banimento seja apenas nos EUA, a previsão é de que a venda de iPhones caia 6%, enquanto a venda de outros produtos da Apple teria queda de no máximo 3%.

Por Renova Midia