Meio Ambiente Aves tratadas no Bosque dos Papagaios são devolvidas à natureza no Tepequém

Bichos foram resgatados pelo Ibama e reabilitados pela Secretaria de Serviços Públicos e Meio Ambiente

Sete aves tratadas pelo Bosque dos Papagaios foram devolvidas à natureza na tarde desta terça-feira, 30. O cenário escolhido para liberar os bichos foi a serra do Tepequém, no município de Amajarí, a 210 km de distância de Boa Vista.

Foram libertados dois tucanos, duas maritacas de cabeça azul, dois papagaios e um mutum. Os bichos foram resgatados ou apreendidos pelo Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) do Ibama, que é responsável por escolher o local para liberar os animais.

No Bosque dos Papagaios, a Secretaria de Serviços Públicos e Meio Ambiente (SPMA) reabilita os animais, acompanhando caso a caso, até que estejam prontos para viverem livres e sem precisar da ajuda de humanos para sobreviver.

“O Cetas e o Bosque trabalham juntos no resgate e apreensão de animais. Por exemplo, quando alguém nos procura, nos resgatamos o animal e depois encaminhamos para o Ibama”, explicou o secretário adjunto da SPMA, Alexandre Santos.

Todas as aves estavam com a saúde 100% recuperada e prontas para voar. Antes de liberar os animais, um servidor do Bosque dos Papagaios participou de uma oficina sobre manejo de animais silvestres nos dias 29 e 30. A última vez que a SPMA fez uma ação do tipo, foi há cerca de dois anos.

SOBRE O BOSQUE – O Bosque dos Papagaios abriga diversas espécies de animais, principalmente aves, pois há um criadouro gigante no local. Qualquer pessoa pode visitar o espaço sem agendar visita.

Além das aves, os visitantes podem ver animais mamíferos que também vivem nos criadouros, como uma paca e uma capivara, e jabutis e iguanas que vivem soltos no ambiente. Também há pequenas trilhas que podem ser feitas no bosque.

Quem tem interesse em ir até o local pode aproveitar de segunda à sexta, das 8h às 12h e das 14h às 18h, e nos sábados e domingos, das 14h às 18h.

Fotos: Katarine Almeida 

Jornalista: Fabrício Araújo