Exército constrói hospital de campanha em Roraima para conter coronavírus

Estrutura vai atender, inicialmente, 80 pacientes. Roraima tem 2 casos confirmados de coronavírus.

Um hospital de campanha para atender pacientes infectados pelo novo coronavírus está em construção em Boa Vista, capital de Roraima.

A estrutura, que vai atender, inicialmente, até 80 pessoas, foi feita pela operação “Acolhida”, missão humanitária do Exército Brasileiro que cuida da imigração da Venezuela.

A previsão é que a estrutura física do hospital, chamado pela Acolhida de “Área de proteção e cuidado”, seja entregue nesta terça-feira (24). 

Em vídeo compartilhado no Twitter, nesta segunda-feira (23), João Henrique Nascimento de Freitas, assessor Especial do Vice-presidente da República, Hamilton Mourão, divulgou um vídeo com imagens da construção do hospital de campanha.

Segundo o portal G1, o general Manoel de Barros, comandante da “Acolhida”, declarou:

“Isso aqui é uma medida para o coronavírus, especificamente para o coronavírus. O protocolo vai ser regulado pelo estado. A intenção é proteger e liberar os outros sistemas de saúde para as outras enfermidades. Por isso que é um centro de atenção e chamamos de ‘Área de proteção e cuidados’.”

O funcionamento, no entanto, depende do planejamento do governo Jair Bolsonaro, tendo em vista que o hospital vai atender a brasileiros, venezuelanos e qualquer outro paciente com sintomas da doença em Roraima.

Fonte:O PAINEL
Por Renova Midia